Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
3

Beira vai ter nova denominação

O Instituto da Vinha e do Vinho deve aprovar a denominação ‘Beiras’ para o néctar produzido por cinco adegas cooperativas da Beira Interior, muito premiado internacionalmente.
19 de Março de 2005 às 00:00
A nova denominação de origem foi revelada ontem ao Correio da Manhã por Manuel Bolota Gonçalves, presidente da UNACOBI (União das Adegas Cooperativas da Beira Interior).
As Adegas Cooperativas de Pinhel, Figueira de Castelo Rodrigo, Covilhã, Beira Serra e Fundão uniram-se na UNACOBI com o objectivo de se desenvolverem ainda mais para reforçar a competitividade nos mercados interno e externo.
Para tal, fez-se um estudo sobre a estratégia de progressão do sector vitivinícola da região da Beira Interior. Estudo esse financiado, na maioria, pelo Instituto António Sérgio através do PRODESCOOP, programa para o desenvolvimento cooperativo lançado em 1999. O presidente do Instituto António Sérgio, Manuel Canaveira Campos, explicou ao nosso jornal que a instituição apoia financeiramente os projectos para a modernização das cooperativas, novas cooperativas e aquelas que queiram expandir a respectiva actividade. O apoio é também em equipamentos e postos de trabalho.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)