Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
6

Belmiro quer preços mais baixos

Belmiro de Azevedo desloca-se hoje a Lisboa para fazer a defesa pública da Sonae na proposta de compra da Portugal Telecom (PT). Segundo apurou o CM, um dos pontos fortes da intervenção do empresário será a afirmação de que a compra da PT vai beneficiar os consumidores.
15 de Janeiro de 2007 às 00:00
Belmiro irá colar-se aos estudos apresentados pela Autoridade da Concorrência (AdC) para provar que os preços na rede fixa, no móvel e no cabo vão ser mais favoráveis aos consumidores.
Depois de ter feito o registo definitivo da Operação Pública de Aquisição (OPA) na passada sexta-feira, a administração da Sonaecom (o oferente) desloca-se a Lisboa para explicar, em pormenor, alguns dos aspectos do prospecto.
O oferente vai insistir no facto de não existir nenhum país do Mundo em que o incumbente tem, ao mesmo tempo, a rede de cabo e de cobre.
A Sonaecom vai ainda defender que a aplicação dos ‘remédios’ decididos pela AdC vai beneficiar o mercado, em especial o mercado móvel com a introdução de um terceiro operador.
Os responsáveis da Sonaecom estão confiantes de que os reguladores vão fiscalizar o cumprimento dos ‘remédios’ propostos.
Outra das matérias que será abordada é o preço oferecido (9,50 euros por acção). Belmiro vai reforçar a ideia de que este é um preço “justo” e que valoriza o Grupo PT, face ao valor da cotação dos “papéis” da operadora nos últimos dois anos. Os responsáveis da Sonaecom vão provar que alguns dos investidores institucionais (como é o caso do Banco Espírito Santo e Caixa Geral de Depósitos) ganham dinheiro se venderem as acções a 9,50 euros.
Em relação à política de internacionalização da empresa, Belmiro defenderá a continuação da internacionalização do Grupo PT, mas em mercados considerados “rentáveis” e com controlo da Sonae.
O exemplo da VIVO (operadora móvel do Brasil que a PT detém a 50 por cento com a Telefónica) será mencionado, com os responsáveis da Sonaecom a salientarem que a empresa é o único operador móvel do Mundo que, durante 12 trimestres consecutivos, tem vindo a perder clientes e quota de mercado.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)