Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
1

BES com a maior subida

Os títulos do BES – Banco Espírito Santo fecharam ontem a 12,29 euros, com uma valorização de 2,63 por cento. A percentagem de ganho da intituição financeira presidida por Ricardo Espírito Santo Salgado foi a maior dos papéis cotados no PSI 20.
13 de Outubro de 2006 às 00:00
Ricardo Espírito Santo Salgado
Ricardo Espírito Santo Salgado
Seguiu-se a Sonae SGPS, que se cotou a 1,43 euros, com uma progressão de 1,42 por cento, e transaccionou mais de 12 milhões de acções. Na terceira posição das subidas, ficou a Jerónimo Martins. A empresa de retalho e distribuição terminou a sessão a valer 14,92 euros, mais 1,15 por cento.
A Mota-Engil foi o título mais penalizado. A construtora fechou a 4,75 euros, com uma quebra de 1,25 por cento. Seguiu-se a EDP, com uma desvalorização de 0,58 por cento, para 3,42 euros.
Quanto aos outros pesos-pesados, o BCP manteve-se a 2,56 euros, e a PT subiu 0,2 por cento, para 9,84 euros.
O PSI 20 foi para os 10.451 pontos, com uma progressão de 0,22 por cento.
Ver comentários