Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
8

Bombardier: Trabalhadores querem que EMEF respeite compromisso

Um grupo de trabalhadores da antiga fábrica da Bombardier concentrou-se esta quarta-feira de manhã, junto ao Ministério das Obras Públicas, exigindo que o Governo obrigue a EMEF - Empresa de Manutenção de Equipamento Ferroviário, SA - a respeitar o compromisso de abrir a empresa que vai dar emprego aos 25 operários.
26 de Setembro de 2007 às 15:33
Face a estarem perto de perderem o subsídio de desemprego e sem verem maneira de ver concretizada a promessa que lhes foi feita à três anos, um grupo de trabalhadores da antiga fábrica da Bombardier concentrou-sehoje junto ao Ministério das Obras Públicas.
Estando prevista a fábrica começar a sua actividade no início deste ano e não tendo sido possível aos trabalhadores terem uma audiência com a secretária de Estado dos Transportes, Ana Paula Vitorino, os trabalhadores lamentam o tempo de espera.
Os funcionários acabaram por ser recebidos pelo chefe de gabinete de Mário Lino e, no final da reunião, saíram com a promessa de na próxima segunda-feira reunirem-se com os representantes da EMEF e CP e com o chefe de gabinete das Obras Públicas.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)