Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
2

BPN: Comissão perturbou inquéritos

O governador do Banco de Portugal (BdP), Vítor Constâncio, considerou esta sexta-feira que os trabalhos realizados pela comissão parlamentar de inquérito ao caso BPN perturbaram o processo de investigação da entidade supervisora.
10 de Julho de 2009 às 18:00
Depois das críticas, Constâncio partiu para o ataque
Depois das críticas, Constâncio partiu para o ataque FOTO: Tiago Petinga/Lusa

'Os trabalhos da comissão perturbaram os inquéritos em curso e não apuraram quaisquer factos novos relevantes que não fossem entretanto do conhecimento das autoridades', acusou Constâncio.

O governador do BdP esteve por duas vezes na comissão de inquérito parlamentar e a sua actuação no caso foi muito criticada pela oposição, que chegou a acusá-lo de ter falhado na supervisão, pedindo mesmo a sua demissão. No relatório das conclusões, o PS entendeu que Constâncio poderia ter sido mais incisivo no controlo ao BPN, mas concluiu que a situação a que chegou o banco dependeu essencialmente dos actos praticados pelos seus responsáveis.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)