Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
2
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já

Caixa Geral de Depósitos avança com penhora a Berardo

Banco público quer penhorar salários de Joe Berardo nas empresas para recuperar créditos em falta.
António Sérgio Azenha 8 de Junho de 2019 às 01:30
Empresário Joe Berardo é ouvido no parlamento
Empresário Joe Berardo é ouvido no parlamento
Joe Berardo
Empresário Joe Berardo é ouvido no parlamento
Empresário Joe Berardo é ouvido no parlamento
Joe Berardo
Empresário Joe Berardo é ouvido no parlamento
Empresário Joe Berardo é ouvido no parlamento
Joe Berardo
A CGD já tem em curso um processo de penhora dos bens a Joe Berardo, com vista a executar uma dívida da Metalgest no valor de 61,5 milhões de euros. Para recuperar este crédito, cuja execução resulta de uma sentença do Tribunal do Funchal de janeiro deste ano, o banco público prepara-se para avançar com a penhora dos salários que Berardo receba nas várias empresas em que exerce cargos de administração.

Exclusivos

Assinatura Digital

Acesso ao e-paper, a todos os conteúdos exclusivos do site no pc, tablet e smarphone
Assine já 1 mês/1€
Para ler este e todos os EXCLUSIVOS DE HOJE no site por 0.60€ + IVA Obtenha o seu código de acesso com uma simples chamada telefónica

ou
UTILIZE O
Ver comentários
Hoje nas bancas
Capa do Dia
A primeira página do Correio da Manhã e o acesso ao e-paper Ver todas as
primeiras páginas
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)