Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
5

Carlos Costa diz que Europa tem de agir como um todo

Governador do Banco de Portugal afirmou que 28 Estados-membros da UE devem agir sem movimentos erráticos.
28 de Novembro de 2014 às 11:27
Carlos Costa discursou na conferência 'Europe: New Opportunities in the New World'
Carlos Costa discursou na conferência 'Europe: New Opportunities in the New World' FOTO: Tiago Petinga/Lusa

O governador do Banco de Portugal, Carlos Costa, disse esta sexta-feira que os 28 Estados-membros da União Europeia devem agir de forma coordenada e sem movimentos erráticos, condenando os que só saem da "zona de conforto" quando se sentem ameaçados.


"Temos de pensar como os 28 Estados-membros conseguem agir de forma coordenada, e não ter movimentos erráticos", afirmou o governador na conferência 'Europe: New Opportunities in the New World', organizada pela Cunha Vaz e a decorrer em Lisboa.


Carlos Costa criticou "os que estão na zona de conforto e só pensam no todo" quando os problemas económicos começam a chegar à sua porta, numa alusão à Alemanha.

carlos costa europa todo
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)