Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
2

Chineses anunciam compra de 23% da portuguesa Mota-Engil

China Communications Construction Company paga 169,4 milhões por 23% da construtora.
Diana Ramos 28 de Novembro de 2020 às 09:21
FOTO: Paulo Duarte
A China Communications Construcion Company (CCCC), empresa chinesa que é atualmente a quarta maior construtora do mundo, anunciou ontem a compra de 23% da portuguesa Mota-Engil por 169,4 milhões de euros.

O anúncio foi feito ao regulador pela empresa chinesa, noticiado pela ‘Bloomberg’ ao início da manhã e confirmado pela construtora portuguesa em comunicado à CMVM. A parceria entre o grupo chinês e a família Mota já tinha sido anunciado em agosto, mas só a parceria estratégica e o acordo de investimento ficaram fechados. Segundo a Mota-Engil, as condições do acordo não impõem à CCCC a obrigação de lançamento de uma oferta pública de aquisição (OPA) sobre a construtora portuguesa.

A Mota-Engil irá convocar para “breve” a assembleia-geral que permitirá “autorizar o conselho de administração a aprovar o aumento de capital”. A posição da holding da família Mota – a Mota Gestão e Participações, encabeçada por António Mota (na foto) – verá a sua posição na empresa ser diluída.

O valor em Bolsa da construtora portuguesa situa-se atualmente nos 399 milhões de euros, montante que disparará com o negócio.

Ver comentários