Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
2

Comboios circulam com atrasos

Até às 10h, apenas 93 ligações foram efectuadas, o que corresponde a 19,39 por cento da operação da empresa num dia normal. Nas primeiras horas da manhã, praticamente 390 comboios da CP foram suprimidos por causa de uma greve que se vai estender até ao final do dia.
30 de Maio de 2011 às 08:10
Comboios circulam com dificuldade
Comboios circulam com dificuldade FOTO: Vítor Mota

Na estação de Agualva-Cacém, linha de Sintra, o funcionamento está a "meio gás", tendo o primeiro comboio oriundo de Lisboa entrado na estação por volta das 07:30.

Nos altifalantes, foi dado o alerta de que este comboio não estaria a recolher passageiros, mas várias dezenas de pessoas - algumas das quais esperavam desde as 06:30-- entraram nas carruagens e deixaram Cacém em direcção a Sintra.

Dez minutos depois, deu entrada na estação um comboio em direcção a Lisboa, deixando a estação praticamente vazia.

Os revisores e operadores de bilheteira da CP estão a cumprir uma greve de 24 horas convocada pelo Sindicato Ferroviário da Revisão Comercial Itinerante (SFRCI).

A greve está a afectar muito a circulação de comboios esta manhã, registando-se entre 90 a 95 por cento de supressões, segundo a porta-voz da CP e o sindicato.

O protesto destina-se a contestar o facto de ainda não ter sido posto em prática o acordo assinado, a 21 de Abril, entre a Comissão Executiva da CP e os sindicatos que representam os trabalhadores da empresa.

 

Além disso, os grevistas discordam da redução, a partir de 1 de Junho, da oferta de comboios das áreas urbanas, com especial incidência nas linhas urbanas de Cascais e de Sintra.

CP Greve Combios
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)