Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
1

Comércio alerta para zonas pedonais nas cidades

A Confederação do Comércio de Portugal (CCP) considera que a criação de zonas pedonais nas cidades nem sempre teve resultados positivos para o comércio local porque os portugueses se desabituaram de andar a pé e existem constrangimentos de estacionamento.

3 de Agosto de 2009 às 00:30
Os portugueses já não vão a pé às compras, queixa-se a Confederação
Os portugueses já não vão a pé às compras, queixa-se a Confederação FOTO: Manuel Moreira

A CCP defendeu à Lusa que a ordem de intervenção urbano-comercial nos centros das cidades tem de ser invertida. "Primeiro temos de (re)ensinar as pessoas a voltar às baixas da cidade, e isso pressupõe um conjunto de intervenções ao nível da política de habitação, transportes, ordenamento comercial, entre outros. E só depois podemos equacionar, em função das situações em concreto, a eficácia das medidas relativas à pedonização de certas artérias", defendeu a CCP.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)