Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
6

Contadores lidos à distância

A EDP deverá começar no próximo ano a ler à distância os contadores dos seus clientes domésticos, ou seja, lares e estabelecimentos comerciais. A telecontagem dispensa a leitura dos contadores nos locais, permite a facturação dos gastos reais e mesmo maior controlo pessoal do consumo, acessível através da internet.
15 de Outubro de 2006 às 00:00
Contagem à distância permite controlo  de consumos
Contagem à distância permite controlo de consumos FOTO: Pedro Catarino
“A nossa expectativa é de que seja lançada em 2007”, revelou ao Correio da Manhã o administrador Jorge Cruz de Morais, adiantando que é a própria EDP Inovação que está a desenvolver este sistema de leitura à distância.
No entanto, sublinhou Jorge Cruz de Morais, “não será para todos os clientes domésticos”, dado que exige a substituição dos actuais contadores e é preciso ter em conta que a EDP tem 5,8 milhões de clientes.
A novidade da solução é, de acordo com a empresa, “o cliente conhecer o seu perfil de consumo de energia com discriminação horária através do ‘site’ da EDP, ter diversa informação disponível no próprio contador e passar a ser facturado com base em leituras reais recolhidas remotamente”. Para aferir o sistema, a eléctrica nacional fez um projecto-piloto, que passou por instalar 120 contadores com telecontagem via GSM, nas cidades de Lisboa e Porto, em clientes de baixa tensão normal e especial. Trata-se assim de alargar a estes clientes o que a EDP já tem disponível na maioria dos clientes de média e alta tensão.
As soluções disponíveis vão desde a tecnologia Power Line, por rádio-frequência, por linha pública comutada, por acesso IP, ou via rede pública GSM/GPRS. A Itália e a Suécia foram os únicos países que já avançaram com a instalação em larga escala de soluções de telecontagem.
'SITE' JUNTA PARCEIROS
A EDP vai ter a funcionar ‘on-line’, até ao final do ano, uma base de dados dos seus fornecedores com vista a sistematizar e agilizar todo o processo de negociação. Este registo será extensível a qualquer uma das empresa do grupo e contará com toda a categoria de fornecimentos, desde empreiteiros a fornecedores de serviços.
Neste momento, já se encontram registados cerca de dois mil fornecedores. Os próprios interessados poderão fazer a sua inscrição através do ‘site’ da empresa (www.edp.pt), demonstrando que cumprem os requisitos fundamentais, nomeadamente de qualidade e segurança.
NÚMEROS
CONSUMO
O consumo de electricidade em Portugal subiu 3,9 por cento em Setembro, face a igual mês de 2005, para 3924 gigawatts/hora, refere a estatística mensal da Rede Eléctrica Nacional (REN).
PRODUÇÃO
A produção hídrica registou um aumento de 70 por cento, para 370 gigawatts/hora (GWh), enquanto a produção térmica desceu um por cento, para 2330 GW/h.
ALBUFEIRAS
Ainda segundo os dados da Rede Eléctrica, o armazenamento das albufeiras estava em Setembro 21 por cento acima do registado em igual mês de 2005, passando de 1217 para 1469 GW/h.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)