Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia

EDP paga 205 mil euros por reunião

Cada reunião do Conselho Geral e de Supervisão (CGS) da EDP implicou em 2010, segundo o último relatório de governo da sociedade, uma despesa salarial superior a 205 mil euros. Ontem, António de Almeida, ainda presidente daquele órgão, e Eduardo Catroga, provável sucessor no cargo por proposta dos accionistas, almoçaram no restaurante Café In, um dos locais na moda em Lisboa, frente ao Tejo.
11 de Janeiro de 2012 às 01:00
Eduardo Catroga convidou e António de Almeida aceitou almoçar. A conversa foi privada, mas não prolongada: durou apenas uma hora e meia
Eduardo Catroga convidou e António de Almeida aceitou almoçar. A conversa foi privada, mas não prolongada: durou apenas uma hora e meia FOTO: Bruno Colaço

O relatório do governo da EDP indica que em 2010 o CGS, que conta com 16 membros, se reuniu sete vezes, ainda que os estatutos da empresa estabeleçam que esse órgão tenha de reunir "pelo menos uma vez por trimestre." No ano anterior, o CGS reunira também sete vezes.

Como a despesa com remunerações dos 16 membros do CGS ultrapassou 1,44 milhões de euros, cada uma das reuniões realizadas custou à EDP mais de 205 mil euros em salários. Ontem, a EDP escusou comentar esta despesa, alegando que as competências do presidente do CGS estão nos estatutos da empresa. E o ministro das Finanças, Vítor Gaspar, afirmou no Parlamento que a escolha dos nomes para os cargos sociais da EDP foi feita pelos accionistas.

O convite para o almoço no Café In partiu de Eduardo Catroga, garantiu ontem ao CM António de Almeida. Já o ex-ministro das Finanças sublinhou ao CM que se tratava de um "almoço de prazer" e não de trabalho. O que é certo é que ambos compareceram sem motorista, o que não é habitual. n

ADMINISTRADORES NA ADP

Manuel Frexes, presidente dos autarcas sociais-democratas e da Câmara Municipal do Fundão, e Álvaro Castello--Branco (CDS), vice-presidente da Câmara Municipal do Porto, vão integrar a nova administração da Águas de Portugal (AdP).

A presidência do novo Conselho de Administração da holding está assegurada por António Lobato de Faria. Integram ainda a equipa Manuel Fernandes Thomaz, actual presidente executivo da Águas da Região de Aveiro, e Gonçalo Martins Barata, financeiro do Citigroup.

Ao CM, Manuel Frexes assegurou ter "o perfil adequado para o cargo".

EDUARDO CATROGA ANTÓNIO DE ALMEIDA EDP REUNIÃO ALMOÇO
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)