Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
1

Esperada quebra no turismo

O Dia Mundial do Turismo, assinalado hoje, é este ano comemorado nos Açores, num momento em que o sector continua a enfrentar dificuldades inerentes à situação económica e espera um 2005 que arrisca uma quebra das receitas.
27 de Setembro de 2005 às 00:00
Esperada quebra no turismo
Esperada quebra no turismo FOTO: d.r.
O presidente da Confederação do Turismo, Atílio Forte, disse à Lusa que o ano vai saldar-se por um ligeiro aumento da entrada de turistas face a 2004 e por uma quebra igualmente ligeira, das receitas.
Os últimos dados oficiais conhecidos, do INE, ainda não integram a totalidade do Verão e referem uma quebra de quatro por cento das receitas da hotelaria, para 857,6 milhões de euros, até Julho face a igual período de 2004. No entanto, o número de dormidas subiu 3,6 por cento, para 19,8 milhões .
Por isso, as opiniões quanto à evolução das receitas em 2005 divergem entre os responsáveis do sector, embora o crescimento do número de turistas seja esperado por todos, até porque se assiste a alguma recuperação entre os principais mercados emissores, nomeadamente o britânico e o alemão, como apontou o secretário de Estado do Turismo. Bernardo Trindade defendeu que o ano turístico de 2005 vai ser “positivo”, com algumas regiões, como Algarve ou Lisboa, a evoluir no segundo semestre.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)