Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
9

"Estado deve pagar aos bancos aquilo que deve"

O antigo presidente da Associação Portuguesa de Bancos (APB), João Salgueiro, defendeu esta quinta-feira que melhor do que as garantias estatais prestadas aos bancos para obterem financiamento, era que o Estado pagasse aos bancos aquilo que lhes deve.
26 de Maio de 2011 às 17:55
"É claro que era mais útil que o Estado pagasse aos bancos aquilo que deve. Era uma forma mais clara e mais imediata", disse o economista
'É claro que era mais útil que o Estado pagasse aos bancos aquilo que deve. Era uma forma mais clara e mais imediata', disse o economista FOTO: Duarte Roriz

"É claro que era mais útil que o Estado pagasse aos bancos aquilo que deve. Era uma forma mais clara e mais imediata", disse o economista, depois de questionado sobre a segunda vaga de financiamentos com recurso a garantias estatais que os bancos anunciaram nos últimos dias.   

"Durante meses, o Estado não conseguiu colocar dívida no mercado internacional  e os bancos portugueses serviram de intermediários. Compravam a dívida ao  Estado e depois obtinham créditos do Banco Central Europeu (BCE) com as garantias dessa dívida", realçou João Salgueiro, defendendo que "desfazer essa alavancagem era uma medida mais eficaz".  

O responsável sublinhou que os bancos portugueses "estão carregados de dívida pública nacional" e que o dinheiro que obtiveram junto do BCE não foi canalizado para a economia, mas sim para se reembolsarem.  

estado joão salgueiro bancos banca bce
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)