Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
4

Ficheiros inventam emprego

O cruzamento de dados entre o Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP) e a Segurança Social permitiu retirar perto de cinco mil pessoas aos dados do desemprego, sem que isso significasse que estas pessoas estavam de facto empregadas.
19 de Maio de 2006 às 00:00
Os números do desemprego estão a causar polémica
Os números do desemprego estão a causar polémica FOTO: Manuel Moreira
Segundo dados do IEFP, o número de desempregados inscritos nos Centros de Emprego caiu 2% em Abril, o que traduz 9355 indivíduos, 4192 resultaram do cruzamento de dados. Ou seja, a Segurança Social tinha registos de descontos efectuados por estas pessoas, mas a única coisa que isso prova é que estes indivíduos receberam uma remuneração que pode ser referente a um estágio ou a um curso de formação.
Apesar desta polémica, o presidente do IEFP sublinhou que a taxa de desemprego tem vindo a demonstrar uma tendência de diminuição.
Por seu lado, o Governo considerou ter havido uma descida real do desemprego superior a um por cento, em Abril. “Os dados do IEFP são consistentes com os indicadores divulgados pelo Eurostat em Março passado, que também indicam uma descida do desemprego”, sublinhou o ministro da pasta da Presidência, Pedro Silva Pereira.
Francisco Madelino ressalvou que é preciso esperar por mais dados económicos para que a tendência de diminuição se consolide.
Hoje será a vez do Instituto Nacional de Estatística (INE) revelar os números do desemprego referentes a Abril.
APONTAMENTOS
SITUAÇÃO DIFERENTE
A UGT considerou ontem que não se podem comparar situações diferentes. A central sindical referia-se ao facto de em Abril de 2005 não ter havido cruzamento de dados e de se estarem a comparar números sujeitos a um cruzamento de dados.
AUMENTO TRAVADO
A Confederação da Indústria Portuguesa (CIP) considerou que os dados do desemprego registado em Abril traduzem que, pelo menos, se travou o aumento do desemprego. “A diminuição é pequena e decorre também do efeito de sazonalidade”, considerou o presidente da CIP.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)