Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia

Filial do HSBC acusada na Bélgica de branqueamento

Suspeita-se que o banco "favoreceu e incentivou a fraude fiscal".
17 de Novembro de 2014 às 13:29
O HSBC é um dos maiores cinco bancos do mundo
O HSBC é um dos maiores cinco bancos do mundo FOTO: Stefan Wermuth/Reuters

O HSBC Private Bank, filial suíça do banco britânico HSBC, foi acusado na Bélgica de fraude fiscal grave, organização criminosa, branqueamento de capitais e exercício ilegal de intermediação financeira, indicou esta segunda-feira a justiça belga.

As suspeitas sobre o HSBC, um dos maiores cinco bancos do mundo, baseiam-se na presença e intervenção ilegal na Bélgica durante vários anos, com o objetivo de transferir e gerir os bens de uma clientela muito acomodada, em particular do setor dos diamantes em Anvers, explica num comunicado o Ministério Público belga.

Além disto, suspeita-se que o banco "favoreceu e incentivou a fraude fiscal", ao pôr à disposição da alguns dos clientes privilegiados sociedades com vantagens fiscais ('offshore') localizadas em particular no Panamá e nas ilhas Virgens, que não tinham qualquer atividade económica e com o único objetivo de esconder os bens daquelas pessoas.

HSBC Private Bank HSBC Bélgica
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)