Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
2

FMI apela a medidas viradas para o mercado laboral

Encontro terminou em Cairns.
21 de Setembro de 2014 às 06:22
Christine Lagarde pediu políticas económicas que contribuam para recuperação mais robusta e criadora de emprego
Christine Lagarde pediu políticas económicas que contribuam para recuperação mais robusta e criadora de emprego FOTO: EPA

O Fundo Monetário Internacional instou este domingo, no final da reunião do G20 na Austrália, a que sejam tomadas medidas no mercado laboral e nas infraestruturas que favoreçam o crescimento económico.

Os ministros da Economia e Finanças e os presidentes dos bancos centrais dos países e grupos do G20, fizeram baixar de 2% para 1,8% os objetivos do crescimento económico até 2018 num encontro que terminou em Cairns e onde se comprometeram a adotar cerca de 900 medidas.

Para a diretora do Fundo Monetário Internacional, Christine Lagarde, os compromissos assumidos emprestam um "potencial" de cumprimento das metas, mas pediu políticas económicas que contribuam para uma recuperação mais robusta e criadora de emprego.

FMI apelo mercado laboral G20
Ver comentários