Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
9

Forte perda do BCP

O BCP, em valor de mercado, perdeu quase 614 milhões de euros nas duas primeiras sessões de 2008. Nos últimos seis meses, a capitalização bolsista do maior banco privado português caiu cerca de cinco mil milhões de euros. Ontem, o BCP desvalorizou-se 1,78 por cento, para 2,75 euros.
4 de Janeiro de 2008 às 00:00
Na segunda sessão deste ano, só dois títulos do PSI 20 fecharam positivos: a EDP e a Cimpor. A energética valorizou-se 1,34 por cento, para 4,51 euros; a maior cimenteira portuguesa, 0,65 por cento, para 6,11 euros.
O principal índice da praça financeira portuguesa perdeu um por cento, para os 12,763 pontos, penalizado pelo BCP, Portugal Telecom e pesos-médios.
A maior operadora portuguesa de telecomunicações desceu 1,11 por cento, para 8,85 euros. O BES perdeu mais de dois por cento, para 14,6 euros; a Galp Energia, 1,92 por cento, para 17,85 euros.
A maior quebra foi da Sonae Indústria: 4,62 por cento, para 6,19 euros. Seguiu-se a Impresa, que terminou a sessão a valer 1,91 euros, menos 3,54 por cento.
Ver comentários