Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
4

Glovo compra plataformas de entrega Mercadão e Lola Market

Mercadão opera em Portugal e o Lola Market em Espanha.
Lusa 14 de Setembro de 2021 às 15:00
Estafeta na Glovo, em Lisboa
Estafeta na Glovo, em Lisboa FOTO: Getty Images
A aplicação de entregas Glovo anunciou esta terça-feira a aquisição da plataforma de entrega de mercearias portuguesa Mercadão, para "fortalecer" a sua oferta e ter um "foco maior em compras semanais e planeadas".

Em comunicado, a Glovo refere que, "para complementar esta aquisição em Portugal," adquiriu também a plataforma Lola Market, em Espanha. O valor dos negócios não foi divulgado.

"Tanto o Mercadão como o Lola Market são plataformas de entregas 'on demand' que ligam supermercados, mercados tradicionais e lojas independentes aos clientes. O Mercadão opera em Portugal e o Lola Market em Espanha, no entanto, entre os dois, têm um portfólio de mais de 30 parceiros", afirma a Glovo.

Segundo explica, "estas aquisições vão complementar a estratégia de crescimento da Glovo e fortalecer a área de 'Q-Commerce', complementando "as recentes aquisições da operação da Delivery Hero no Leste Europeu e a parceria de 100 milhões de euros com a Suíça Stoneweg, que atua na área de investimentos imobiliários".

"Ao adicionar dois novos 'marketplaces' ao seu portfólio, a Glovo continua a posicionar-se como o principal parceiro 'on demand' para empresas de retalho, de todos os tamanhos", sustenta.

Convicta que "os hábitos dos consumidores estão em constante evolução e, consequentemente, a redefinir a indústria", a Glovo diz que "estas últimas aquisições refletem esta mudança, permitindo chegar às três principais ocasiões de consumo em mercearias: essenciais urgentes, conveniência de acesso rápido e compras planeadas".

Após estas aquisições, a Glovo salienta que a sua posição competitiva na Europa "ficará fortalecida em mercados chave", prevendo que a sua área de 'Q-Commerce' atinja os 300 milhões de euros de valor bruto de faturação em 2021, mais do que triplicando em 2022, para mais de 1.000 milhões de euros.

De acordo com a 'app' de entregas, quer o Mercadão, quer o Lola Market vão manter as respetivas identidades e serão independentes em relação à Glovo, ficando ambas sob a liderança de Gonçalo Soares da Costa, presidente executivo (CEO) do Mercadão.

"O objetivo é o de implementar e replicar o sucesso do Mercadão e do Lola Market nos mercados onde a Glovo opera, começando pela Polónia e Itália", avança.

Citado no comunicado, Gonçalo Soares da Costa diz acreditar "que a experiência combinada das equipas do Mercadão e do Lola Market, associada ao alcance internacional da Glovo, vai permitir oferecer um serviço sem igual aos clientes".

Oscar Pierre, CEO e cofundador da Glovo, complementa: "Vemos um potencial enorme no 'marketplace' de mercearias 'on-demand' e ambas as empresas são fortes 'players' locais nos seus respetivos mercados, dando-nos a oportunidade de fortalecer a nossa oferta de 'Q-Commerce'", sustenta.

"Com o Mercadão e Lola Market connosco -- acrescenta - podemos construir melhores parcerias com retalhistas, oferecer aos nossos utilizadores a opção de compras planeadas e de abastecimento e oferecer um serviço mais completo. Estas aquisições representam um passo em frente para nós, pois neste momento conseguimos responder a todo o tipo de compras de mercearias".

Ver comentários