Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
2

GOVERNO ATACA PESSIMISMO

O ministro da Economia, Carlos Tavares, membro de um Governo que ainda há poucos dias proclamava que Portugal estava “de tanga” e que enegrecia constantemente o panorama económico nacional, veio ontem a público, numa autêntica reviravolta no discurso, afirmar que o principal inimigo dos portugueses “é o pessimismo que alguns se esforçam por acentuar”.
29 de Janeiro de 2003 às 00:29
Carlos Tavares, ministro da Economia
Carlos Tavares, ministro da Economia FOTO: Arquivo CM
O governante, ao falar na abertura da conferência da Associação Industrial Portuguesa (AIP), realizada em Lisboa, surgiu com um discurso, aparentemente novo, em que quis dissipar sentimentos negativos, alertando para consequências de análises e previsões pessimistas, “até porque há o perigo de se auto-realizarem”.

Carlos Tavares disse, ainda, que o Governo tem uma nova política económica, com acções em três frentes: finanças públicas, reformas estruturais e política micro-económica.
Ver comentários