Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
7

GUERRA AFUNDA TRANSPORTADORAS AMERICANAS

A Associação de Transporte Aéreo, que agrupa as maiores companhias aéreas norte-americanas, lançou o alerta de que uma eventual guerra contra o Iraque pode custar 70 mil postos de trabalho, caso o governo dos EUA não alargue o seu apoio à indústria.
12 de Março de 2003 às 21:23
O aviso foi emitido num relatório sobre os resultados económicos das companhias aéreas norte-americanas. Neste documento, a Associação salienta que os seus membros podem tomar medidas agressivas para controlar os indícios de queda na procura de viagens e para reagir ao aumento dos custos provocados por uma eventual guerra no Iraque.

As grandes companhias aéreas norte-americanas já solicitaram o apoio do governo para conter a recente subida de preços do combustível e aliviar as taxas que contribuem para perdas financeiras que rondam os dez mil milhões de dólares em 2002.

A indústria aérea norte-americana traçou um cenário provável, em caso de guerra, salientando que a descida da procura e o acréscimo dos preços, no caso de o conflito ter a duração de 90 dias, significa uma revisão em baixa de 4 mil milhões de dólares. Sem o conflito armado, as perdas deste sector devem chegar aos 7 mil milhões de dólares por ano.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)