Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
1

Guerra de poder abala BES

Cúpula do BES assume ataque de Sobrinho, num momento em que Queiroz Pereira contrata serviços de advogada aliada do banqueiro angolano.
26 de Setembro de 2013 às 01:00
Álvaro Sobrinho (na foto à esquerda) e Ricardo Salgado
Álvaro Sobrinho (na foto à esquerda) e Ricardo Salgado FOTO: Marta Poppe e Vítor Mota

Pedro Queiroz Pereira, o líder da Semapa – que está em litígio com a irmã e com o Grupo Espírito Santo (GES) por causa da alteração da estrutura acionista do grupo – aliou-se a Álvaro Sobrinho, ex-presidente executivo do BES Angola (BESA). O patrão da Portucel contratou os serviços de Ana Bruno, advogada de confiança do ex-banqueiro angolano, num momento em que o BES assume a guerra com Sobrinho e o "ataque ostensivo e sistemático" a Ricardo Salgado.

O verniz estalou após a publicação de um conjunto de notícias do jornal ‘i’, publicação detida pela ‘Newshold’ de Álvaro Sobrinho. Em carta, o BES acusa o ex-líder do BESA de promover uma estratégia de descredibilização de Ricardo Salgado e de posicionamento como sucessor do banqueiro na liderança do BES. Segundo o ‘i’, Salgado terá sido chamado na segunda-feira ao Banco de Portugal para se explicar por ter recebido 8,5 milhões de euros, através de uma offshore, pela consultoria a um empresário do setor imobiliário. O BES garante que essa informação é "falsa" e contra-ataca: "Com esta informação, que desmentimos totalmente, o ‘i’ reforça a sua agenda principal dos últimos meses: atacar de forma ostensiva e sistemática o BES e o seu presidente executivo. Essa agenda coincide de forma perfeita, primeiro com a saída do patrão do ‘i’ de presidente da comissão executiva do banco do grupo em Angola (no final de 2012) e, agora, com a saída de presidente do conselho de administração (durante o verão)", diz o BES no comunicado.

Na semana passada, o ‘i’ dava conta de quatro possíveis sucessores de Salgado – Amílcar Morais Pires, José Maria Ricciardi, Bernardo Espírito Santo e Álvaro Sobrinho – mas o nome do ex-líder do BESA foi o único a surgir pela primeira vez. "O ‘i’ chegou ao desplante máximo e despudorado de dar o seu patrão como candidato à liderança do Grupo BES", ataca o BES na mesma carta.

Ricardo Salgado BES Pedro Queiroz Pereira Álvaro Sobrinho Portucel
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)