Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
5

Hídricas reduzem preço da electricidade

O presidente da EDP, António Mexia, explicou ontem que a redução na factura de electricidade de cinco mil famílias transmontanas resulta de um reenquadramento tarifário para encontrar as "melhores soluções" para as pessoas.
27 de Outubro de 2009 às 00:30
António Mexia, presidente da EDP
António Mexia, presidente da EDP FOTO: Natália Ferraz

António Mexia anunciou a redução da facturação energética a cinco mil famílias das zonas das novas barragens do Sabor, Tua e Picote e Bemposta, onde está a realizar o reforço de potência das centrais já existentes.

Questionado sobre se as novas barragens e o consequente aumento da produção de energia irão permitir uma redução geral do preço da electricidade, António Mexia respondeu que "os preços são fixados pelo regulador" e a produção hídrica será "um estabilizar" dos mesmos ao permitir que o País esteja "menos exposto e dependente da importação e dos produtos petrolíferos". Segundo disse, em 2020, "mais de 60% do consumo será de energia renovável".

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)