Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
1

Investigado um crime económico por dia

Durante o primeiro semestre de 2007, a Polícia Judiciária (PJ) investigou em média um novo crime económico em cada 24 horas, de acordo com o relatório da Unidade de Informação Financeira (UIF) da PJ.
29 de Agosto de 2007 às 08:15
Investigado um crime económico por dia
Investigado um crime económico por dia FOTO: d.r.
Segundo o documento a que o ‘Diário Económico’ (DE) teve acesso, estão neste momento a ser investigadas 178 actividades duvidosas no que respeita a criminalidade económica.
Entre as situações suspeitas investigadas pela PJ, o crime de fraude fiscal lidera, com 159 casos, seguido de burla (8 casos), corrupção (3), actividade bancária irregular (3), fraude na obtenção de subsídio (1) e crime económico não determinado (2).
O relatório da UIF revela que durante os primeiros seis meses do ano, a PJ recebeu 11.805 denúncias, mas decidiu, apenas, abrir investigação em 386 casos, o que representa pouco mais de 3 por cento do total das denúncias.
O DE salienta o facto de a UIF ter sido especialmente destacada para investigar actos suspeitos de crimes tributários de maior complexidade e de valor superior a 500 mil euros, pelo que, desde o início do ano, a PJ investiga a origem de, pelo menos, 79 milhões de euros.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)