Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
8

Jens Nordvig: "Não interessa se há saída limpa"

Economista diz que não interessa se a saída é 'limpa' ou se Portugal vai ter programa cautelar.
26 de Fevereiro de 2014 às 18:17
saída, externa, ajuda, resgate, programa, cautelar, irlanda
saída, externa, ajuda, resgate, programa, cautelar, irlanda FOTO: Sérgio Lemos

O economista Jens Nordvig afirmou hoje que Portugal está muito focado na ideia de uma 'saída limpa' do programa de resgate por "orgulho nacional" e considerou que não é importante seguir o exemplo da Irlanda.

Neste momento, "há um grande foco na ideia de uma saída limpa (do programa de resgate) e isso tem muito a ver com o orgulho nacional, querer fugir a este este tipo de supervisão. Creio que não interessa muito se há uma saída igual à da Irlanda ou se há um programa cautelar", disse Nordvig em declarações à Lusa em Lisboa, onde está para lançar o seu livro "A queda do euro".

"A minha recomendação seria, saiam do programa, mas optem por uma garantia, porque a nível global pode surgir algo que não possa ser controlado e traga de novo a instabilidade aos mercados", referiu.

O economista, que é atualmente chefe de investigação de estratégia monetária na Nomura Securities, disse, no entanto, perceber que politicamente se prefira uma saída do programa de assistência internacional sem qualquer tipo de ajuda, por "uma questão de aparência".

Nordvig considerou que a situação de Portugal é diferente da que se vive na Grécia, afirmando que esta continua a ser "sombria". Há maior vulnerabilidade política e um setor de exportações mais frágil na Grécia, exemplificou.

saída externa ajuda resgate programa cautelar irlanda
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)