Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
5

Marinha Grande: Protestos à porta de fábrica

Dez trabalhadores da empresa de limas Duarte Feteira, de Vieira de Leiria, Marinha Grande, estão concentrados nas instalações a reclamar o pagamento dos subsídios de Natal e férias de 2009.
23 de Abril de 2010 às 18:59

Segundo a dirigente do Sindicato dos Metalúrgicos de Leiria, Gabriela Medeiros, "os funcionários estão concentrados desde manhã e não vão desmobilizar até que o prometido pela administração seja cumprido".

 

"A empresa informou que esses subsídios iriam ser pagos, mas não foram e é um valor que os trabalhadores não podem ir buscar ao Fundo de Garantia Salarial no âmbito da insolvência da empresa", afirmou a sindicalista, referindo que se trata de um valor global próximo dos 10 000 euros.  

 

Gabriela Medeiros adiantou que a esta dívida acresce também "os salários em atraso de parte de Dezembro de 2009 até agora", mas salientou que esta parte pode vir a ser solicitada junto do mesmo fundo.  

 

Por outro lado, a responsável garantiu que há ainda funcionários que "têm subsídios de 2008 por receber".

 

A sindicalista declarou que a fábrica de limas "não labora há quatro semanas, embora os funcionários estejam a cumprir diariamente o horário de trabalho sentados, aguardando a entrada do processo de insolvência",  após ser rejeitado "o acordo proposto pelos trabalhadores".    

 

"Fomos informados de que o processo de insolvência que a empresa definiu há quatro semanas está com o advogado", referiu, lamentando que face a esta situação os trabalhadores "não possam resolver a sua vida nem recorrer ao  fundo de desemprego".

 

A dirigente do Sindicato dos Metalúrgicos esclareceu que "a questão dos ordenados em atraso não é nova" e admitiu que a Duarte Feteira  "não tem viabilidade" devido à "ausência de matéria prima para trabalhar,  encomendas, maquinaria actualizada e até condições de trabalho".  

"O fecho é uma morte anunciada", considerou Gabriela Medeiros.  

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)