Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
6

Mário Soares denuncia “ataque especulativo” contra euro

O antigo Presidente da República Mário Soares defendeu esta terça-feira que há "um ataque especulativo" contra o euro, visando a sua destruição, e responsabiliza os governantes da França e Alemanha por não defenderem a moda única.
14 de Dezembro de 2010 às 18:58
Mário Soares denuncia ataque especulativo contra o euro
Mário Soares denuncia ataque especulativo contra o euro FOTO: Mariline Alves

"Neste momento há um ataque especulativo, sem princípios éticos nenhuns,  contra o euro. Querem destruir o euro, para fazer fortunas imensas, impensáveis", afirmou.

Para Mário Soares, "isto não tinha tido importância nenhuma se os alemães e os franceses tivessem dito 'o euro é a nossa moeda, vocês não nos podem atacar a moeda, senão nós também podemos atacar outras coisas que vocês têm', se dissessem que não vai ser fácil destruir o euro".

Num debate sobre os 25 anos da integração europeia de Portugal, o antigo Presidente da República considerou que "este foi um erro dos dirigentes  europeus e eles vão ter que voltar atrás".

"Vão ter que voltar atrás para beneficio próprio, se não vão sofrer muito, porque se um dos Estados que pertence ao euro sair do euro, isso dava um contágio tal que desarticulava a integração europeia e podia pôr em causa a integração europeia", argumentou.

mário soares euro frança alemanha união europeia
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)