Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
8

Menos benefícios no IRC

Os benefícios fiscais no IRC concedidos pelo Governo vão cair 28% em 2009, devido às restrições nos benefícios para a criação de emprego, previstas no Orçamento do Estado.

26 de Outubro de 2008 às 00:30
O ministro Teixeira dos Santos
O ministro Teixeira dos Santos FOTO: Tiago Sousa Dias

No próximo ano, a despesa fiscal vai baixar 12%, para 1,122 mil milhões de euros, sobretudo à custa da redução das despesas com benefícios fiscais nos impostos sobre as empresas.

Esta redução dos benefícios tem a ver com a alteração do incentivo à criação de emprego, em que se limita a uma vez por trabalhador o recebimento desse benefício. Aliás, apesar de o artigo 19 do Estatuto dos Benefícios Fiscais já prever a utilização do benefício por uma vez, é este o argumento usado pelo Ministério das Finanças para justificar a poupança.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)