Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
9

Merkel responde com ‘confiança’ a críticas de Dilma

A chanceler alemã, Angela Merkel, afirmou hoje na abertura da CeBIT, a maior feira de tecnologia do mundo, que a confiança e a solidariedade são as bases para que os países vençam à crise económica.
5 de Março de 2012 às 19:40
Rousseff discursou antes de Merkel na abertura da CeBIT e elogiou a parceria entre Brasil e Alemanha na área da tecnologia, ao dizer que a união da "qualidade alemã" com a "flexibilidade brasileira" é produtiva
Rousseff discursou antes de Merkel na abertura da CeBIT e elogiou a parceria entre Brasil e Alemanha na área da tecnologia, ao dizer que a união da 'qualidade alemã' com a 'flexibilidade brasileira' é produtiva FOTO: Reuters

Merkel comentava críticas que têm sido feitas pela presidente brasileira Dilma Rousseff, também presente na abertura da feira, sobre a "política monetária expansionista" dos países desenvolvidos, que injectam dinheiro no mercado internacional, desvalorizam moedas e prejudicam as economias em desenvolvimento.

"A presidente Dilma Rousseff manifestou sua preocupação com o 'tsunami monetário', e a preocupação que tem quando olha para os Estados Unidos e para a Europa. Mas nós também reparamos nas medidas proteccionistas, e achamos que a confiança deve ser a nossa base para sair da crise", afirmou a chanceler alemã.

"Devemos criar mecanismos de solidariedade que darão a cada parte a solução de seus problemas", defendeu Merkel.

As duas chefes de governo têm previsto um encontro bilateral ainda hoje, em que será discutida a questão das políticas monetárias dos países e da União Europeia em relação à crise económica mundial.

Rousseff discursou antes de Merkel na abertura da CeBIT e elogiou a parceria entre Brasil e Alemanha na área da tecnologia, ao dizer que a união da "qualidade alemã" com a "flexibilidade brasileira" é produtiva.

angela merkel dilma rousseff brasil alemanha crise euro
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)