Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
1

Ministro quer antecipar Ota

O ministro das Obras Públicas, Transportes e Comunicações, Mário Lino, afirmou esta segunda-feira que o Governo pretende antecipar o mais possível o calendário de conclusão das obras do aeroporto da Ota e explicou que a rede de transportes envolventes vai avançar imediatamente.
5 de Março de 2007 às 14:51
A justificação para a aceleração do processo é, segundo o ministro, o atraso do país nesta matéria e que será cada vez mais difícil pôr o aeroporto a funcionar. Os concursos para o início das obras da rede de transportes envolventes estão já iniciados.
Mário Lino encontrou-se com a ministra do Fomento espanhola, Magdalena Alvarez, em Madrid, para conseguir um esforço de coordenação com o governo espanhol para esta matéria.
O TGV é outro ponto da agenda de Mário Lino, que revelou que Portugal e Espanha preparam-se para apresentar uma candidatura conjunta a fundos da rede europeia de transportes.
TGV EM MARCHA
A RAVE (Rede de Alta Velocidade) está a estudar uma nova localização para a estação do TGV no aeroporto da OTA, que evite o desvio que estava a ser equacionado.
A mudança de orientação do terreno, anunciada em Janeiro, tornou possível uma nova solução para a estação do TGV no novo aeroporto. A primeira solução apresentada foi a construção de um estação subterrânea, que no entanto, colidia com a orientação de drenagem dos solos. E obrigava a um transbordo dos passageiros que viajassem do Norte.
A parceria com privados não está excluída à semelhança do modelo holandês. Até ao final de Março, a localização do TGV em Lisboa deve estar definida e os estudos do eixo Lisboa/Madrid devem ser concluídos até ao final do primeiro semestre deste ano.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)