Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
8

Novo banco consolida créditos

Pedro Líbano Monteiro, ex-administrador do BCP, lançou ontem um novo banco, do qual detém cerca de 10 por cento do capital.
17 de Fevereiro de 2006 às 00:00
Líbano Monteiro (ao centro), ex-administrador do BCP, preside ao Primus
Líbano Monteiro (ao centro), ex-administrador do BCP, preside ao Primus FOTO: Pedro Aperta/Jornal de Negócios
O Primus, especializado em crédito hipotecário dirige-se a particulares e pretende reunir todos os créditos do cliente num só agente para, de seguida, reestruturar “o pagamento desses empréstimos em função das necessidades das pessoas”, refere Pedro Líbano Monteiro.
Esta necessidade surge do nível de endividamento das famílias portuguesas que, em percentagem ao rendimento disponível, triplicou nos últimos dez anos.
“Fazemos o fato à medida do cliente”, refere o presidente do banco, lembrando “a flexibilidade do escalonamento da dívida” o que torna o Primus “perfeitamente concorrencial com bancos que fazem prazos longos”.
Para obter financiamento do novo banco, que implicou um capital de 30 milhões de euros, o cliente tem de ter uma garantia hipotecária, mesmo que não queira transferir o seu crédito à habitação para o Primus. Neste caso em particular, o novo agente bancário fará uma segunda hipoteca sobre o imóvel.
O banco Primus pretende chegar a uma carteira de 40 milhões de euros ainda este ano e está a funcionar na internet e em cerca de 148 postos de venda.
Ver comentários