Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
6

“O artesanato é um dos grandes pilares da feira”

Rui Correia, Presidente da Fatasul, a entidade organizadora da Fatacil, a maior feira que se realiza no Algarve, em Lagoa
21 de Agosto de 2011 às 00:30
“O artesanato é um dos grandes pilares da feira”
“O artesanato é um dos grandes pilares da feira”

Correio da Manhã – A crise está a afectar a edição deste ano da Fatacil?

Rui Correia – Da parte da organização, houve uma preocupação em reduzir o orçamento em cerca de 30%, mas sem afectar a qualidade do certame. A procura de expositores excedeu a disponibilidade do espaço, pelo que ficaram mais de 200 de fora. Este ano, apareceram, à última hora, muito mais interessados do que era normal noutros anos.

– Quais são os grandes atractivos da Fatacil?

– O artesanato é um dos grandes pilares da feira, nomeadamente porque temos muitos artesãos a trabalhar ao vivo. Existe ainda uma crescente importância do sector equestre, sendo dado especial destaque ao cavalo lusitano. Além disso, temos o comércio e indústria e, todos os dias, contamos com um grande espectáculo musical.

– Existe alguma justificação para o Turismo do Algarve não ter qualquer stand na feira?

– A Entidade Regional de Turismo do Algarve não está presente na Fatacil, nem dá qualquer apoio ao evento, o que, obviamente, não compreendemos.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)