Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia

Obras causam polémica

Moradores e comerciantes da avenida dos Bons Amigos, uma das principais vias de Agualva, acusam a Câmara de Sintra de "matar" o comércio tradicional. Em causa está o projecto de requalificação da avenida. O objectivo é dar mais segurança à zona e fluidez ao trânsito, e para o alcançar a autarquia propõe a construção de quatro faixas de rodagem, com um separador central. Consequentemente, todo o estacionamento existente ao longo da avenida é eliminado. E é este o ponto da discórdia, que a autarquia desdramatiza.
2 de Fevereiro de 2011 às 00:30
Francisca Colaço (dir.), Moisés Baptista e Sónia Nogueira com o projecto
Francisca Colaço (dir.), Moisés Baptista e Sónia Nogueira com o projecto FOTO: João Miguel Rodrigues

"A actual crise faz com que os clientes sejam escassos. Se o comércio tradicional deixar de oferecer estacionamento, perdemos ainda mais clientes", critica Francisca Colaço. A comerciante e moradora questiona a necessidade de tentar modernizar e apostar no comércio local para criar postos de trabalho quando obras deste género são licenciadas.

"Estamos rodeados de grandes superfícies comerciais, onde a autarquia licencia muitas vezes obras de alargamento dos parques de estacionamento, mas a nós querem retirar o pouco que temos", acusa.

Outra comerciante, Sónia Nogueira, explica ao CM que todos os dias estão estacionados na avenida mais de 700 viaturas, pertencentes a comerciantes e moradores. Um problema que se agudiza pela inexistência de garagens nos prédios. Nesta zona central há igualmente vários serviços públicos, como uma biblioteca e uma escola. "Não estamos contra a modernização", garante Sónia Nogueira, denunciando que a autarquia, reconhecendo a inviabilidade do projecto, prometeu a sua reformulação. Porém, em algumas áreas a requalificação da avenida dos Bons Amigos já está em curso e, segundo os queixosos, não houve alterações.

Em alternativa, a Câmara de Sintra propõe um estacionamento pago, com o custo de cerca de sete euros por dia. Contactada pelo CM, a autarquia não prestou esclarecimentos em tempo útil.

AGUALVA CACÉM OBRAS COMERCIANTES SEGURANÇA
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)