Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
9

Oeiras, Lisboa e Cascais são os concelhos onde mais se ganhou em 2019

Municípios reforçam o retrato da Área Metropolitana de Lisboa, que tem os 18 concelhos com valores acima dos 10 mil euros.
Wilson Ledo 28 de Julho de 2021 às 08:32
Entrega do IRS
Entrega do IRS FOTO: Cátia Barbosa
Oeiras, Lisboa e Cascais foram os três concelhos onde mais se ganhou no País em 2019, já após ser liquidado o respetivo IRS. Segundo o Instituto Nacional de Estatística (INE), a mediana das declarações por cada contribuinte foi de 9539 euros, a nível nacional. O número representou uma subida de 4,5% face a 2018.

À cabeça surgem Oeiras com 14 009 euros, Lisboa com 12 898 euros e Cascais com 11 859 euros. Os três municípios reforçam o retrato da Área Metropolitana de Lisboa, que tem os 18 concelhos com valores acima dos 10 mil euros.

No outro extremo, estão as sub-regiões do Alto Tâmega e do Tâmega e Sousa, ambas abaixo dos 8000 euros por sujeito passivo.

O INE recorreu também ao Coeficiente de Gini para medir o grau de desigualdade na distribuição de rendimentos, concluindo uma "ligeira redução face a 2018" a nível nacional.

Vila do Porto, Lisboa, Porto, Cascais e Lagoa são os municípios com os maiores fossos entre os valores ganhos. Pelo contrário, os "municípios com os menores níveis de desigualdade de rendimento" podem encontrar-se no interior das regiões Centro e Alentejo. O Alandroal é destacado como o mais igualitário.
Ver comentários