Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia

PCP pede explicações sobre aumento dos tarifários

O Partido Comunista Português (PCP) pretende que a Autoridade Nacional de comunicações se desloque ao Parlamento para justificar o aumento de 2,5 por cento nas tarifas dos três operadores de telemóvel.
4 de Março de 2009 às 08:45
PCP pede explicações sobre aumento dos tarifários
PCP pede explicações sobre aumento dos tarifários FOTO: d.r.

Os comunistas falam de falta de concorrência, situação desde já negada pelo presidente da Vodafone, que acredita que o mercado é “muito competitivo”.

 

“Quando lançámos a banda larga móvel pré-paga lembro-me que um dos nossos concorrentes reagiu no mesmo dia e outro reagiu uma semana depois. Acertamos tarifários em baixa, o que acontece frequentemente. Quando um concorrente lançou um tarifário para jovens, houve uma reacção imediata”, explicitou António Coimbra, vice-presidente da Vodafone, em declarações à rádio TSF.

 

António Coimbra refere ainda que este tipo de acções “são reacções do mercado no sentido da subida ou descida”, sublinhando que “é normal que as tarifas sejam um dos factores muito importantes de decisão do cliente e por isso há aqui um grande alinhamento”.

 

Relativamente ao aumento de 2,5 por cento nas tarifas, o responsável da Viodafone considerou-o normal, uma vez que há que ter em conta um aumento dos custos nos últimos quatro anos.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)