Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
9

PEC corta nas prestações sociais

O Governo prepara-se para reduzir as prestações sociais no âmbito do corte da despesa do Programa de Estabilidade e Crescimento (PEC). A intenção foi anunciada pelo ministro das Finanças, ontem no Parlamento, numa das poucas revelações que fez sobre o PEC.
27 de Fevereiro de 2010 às 00:30
Ministro Teixeira dos Santos não especificou onde vai cortar
Ministro Teixeira dos Santos não especificou onde vai cortar FOTO: Miguel A. Lopes/Lusa

A presença de Teixeira dos Santos deveria ter sido usada para falar sobre a proposta de Orçamento de Estado para 2010, mas praticamente todas as bancadas parlamentares queriam saber quais as medidas que constam no PEC, dado que o programa ainda não foi apresentado aos deputados . "Não podemos querer ver o filme antes da antestreia", justificou ironicamente o ministro. Mas dada a insistência, Teixeira dos Santos admitiu que "o esforço de redução da despesa que virá no PEC nos próximos anos afectará o investimento, os salários e também as prestações sociais". Apesar de não especificar, isto pode passar por reduções nas reformas ou nos subsídios. A afirmação surge depois de o Governo ter garantido a sustentabilidade da Segurança Social e que não iria mexer na idade das reformas.

O governante admitiu ainda que pretende reforçar a lista de empresas a privatizar.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)