Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
9

Plano prevê 27 500 camas em Alqueva

O novo Plano de Ordenamento das albufeiras de Alqueva e Pedrógão, que se encontra em fase de revisão, prevê 11 áreas de instalação de equipamentos turísticos com um total de 27500 camas, 2.500 em cada uma.
7 de Junho de 2006 às 00:00
Turismo é a aposta da região do alqueva
Turismo é a aposta da região do alqueva FOTO: Alexandre M. Silva
Uma alteração bastante significativa tendo em conta a política de ordenamento prevista em 2002 quando José Sócrates era Ministro do Ambiente, que previa seis unidade hoteleiras com uma capacidade máxima de 480 camas.
Bento Rosado, administrador da Gestalqueva, explicou ontem que as áreas turísticas serão distribuídas pelos concelhos de Reguengos de Monsaraz (três), Mourão (duas), Moura (duas), Portel (duas), Serpa e Vidigueira (uma em cada).
Estes números, que provocaram preocupação junto da associação ambientalista Quercus, a qual alertou para os possíveis danos ambientais, foram, mais tarde, corrigidos pelo ministro do Ambiente, Nunes Correia. De acordo com o governante o número de camas previsto pelo novo plano de ordenamento é de 15 a 16 mil.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)