Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
7

Portugal arrebata 39 ‘Óscares’ do Turismo

País distinguido como melhor destino turístico da Europa pelo terceiro ano consecutivo.
João Maltez 9 de Junho de 2019 às 01:30
Algarve é o melhor destino de praia
Turismo sustentável distingue Passadiços do Paiva
Madeira vence como destino insular
Lisboa ganha no turismo citadino e como detentora de melhor porto de cruzeiros
Algarve é o melhor destino de praia
Turismo sustentável distingue Passadiços do Paiva
Madeira vence como destino insular
Lisboa ganha no turismo citadino e como detentora de melhor porto de cruzeiros
Algarve é o melhor destino de praia
Turismo sustentável distingue Passadiços do Paiva
Madeira vence como destino insular
Lisboa ganha no turismo citadino e como detentora de melhor porto de cruzeiros
A oferta turística portuguesa continua a captar atenções lá fora.

Em noite de Gala Europeia dos World Travel Awards – uma espécie de ‘óscares’ deste setor –, que teve como anfitriã a ilha da Madeira, o País foi distinguido com 39 prémios, entre os quais, pelo terceiro ano consecutivo, o de melhor destino turístico do ‘velho Continente’.

O setor tem sido uma das alavancas da recuperação da economia portuguesa. No ano passado registou um volume de receitas na ordem dos 16,6 mil milhões de euros, um aumento de 9,6% face ao ano anterior, o que constituiu, segundo o Turismo de Portugal, um "novo recorde" em termos anuais.

Na gala realizada este sábado na Madeira, a região autónoma foi também uma das vencedoras, sendo considerada como melhor destino turístico insular da Europa.

As distinções não se ficaram pelas ilhas, estenderam-se igualmente pelas diferentes regiões do País, com Lisboa a ser considerada melhor destino para turismo citadino e a detentora do melhor porto de cruzeiros da Europa.

O Algarve, como melhor destino para fazer praia, ou os Passadiços do Paiva, em Arouca, destacados no turismo sustentável e de aventura, foram também destacados. 

Oferta sustentável tem reconhecimento ao Norte e ao Sul
Os Passadiços do Paiva, no concelho de Arouca, distrito de Aveiro, voltaram a ser reconhecidos no âmbito dos World Travel Awards e com dois prémios: melhor atração de turismo de aventura e melhor projeto de turismo sustentável. Ambas as distinções de âmbito europeu. 

Na gala realizada este sábado na Madeira, Portugal recebeu um segundo prémio no campo da sustentabilidade, com o projeto Dark Sky Alqueva, que se centra nos concelhos alentejanos e da Estremadura, na vizinha Espanha, banhados pelo grande lago criado pela barragem. 

Unidades hoteleiras e companhia aérea também têm prémios
Estabelecimentos de negócios, de conferências, românticos, históricos, de luxo ou com o melhor design, os ‘óscares’ do turismo europeu chegaram também às melhores unidades hoteleiras do País.

De Norte a Sul e nas ilhas, foram 25 os hotéis com direito a prémio na gala da Madeira.

As ligações a África à América do Sul valeram à TAP, por seu turno, dois prémios de melhor transportadora aérea. A revista que a companhia distribui a bordo dos seus aviões foi também distinguida.
Turismo Arouca Gala Europeia dos World Travel Awards País Portugal Algarve Norte Sul
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)