Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
5

Portugal coloca 1.000 ME em obrigações

Taxas em mínimos históricos.
8 de Outubro de 2014 às 10:57
Informação avançada pelo Instituto de Gestão do Crédito Público
Informação avançada pelo Instituto de Gestão do Crédito Público FOTO: Patrícia de Melo Moreira/AFP

Portugal colocou esta quarta-feira 1.000 milhões de euros em Obrigações do Tesouro que vencem em junho de 2020 a uma taxa de juro média de 1,8171%, anunciou o Instituto de Gestão do Crédito Público (IGCP). 


Na página do IGCP na Blommberg, a instituição anunciou ainda que a procura para este leilão foi de 1.804 milhões de euros, ou seja 1,80 vezes superior ao montante colocado. 


Num comunicado, a agência que gere a dívida pública referia que este leilão de Obrigações do Tesouro com maturidade a 15 de junho de 2020, num montante indicativo entre os 750 e os 1.000 milhões de euros, foi o primeiro leilão de dívida pública do quarto trimestre do ano, período em que o IGCP espera colocar no mercado até 5.000 milhões de euros.


De acordo com o programa de financiamento previsto para o último trimestre de 2014, a agência que gere a dívida pública prevê realizar um a dois leilões de Obrigações do Tesouro, esperando colocar no mercado de 750 a 1.000 milhões de euros por leilão.


Quanto à emissão de Bilhetes do Tesouro, está prevista a realização de seis leilões, podendo ser colocados no mercado até um máximo de 3.000 milhões de euros por esta via.

portugal obrigações do tesouro
Ver comentários