Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
6

Preços das férias mais acessíveis no Algarve

Apesar das dificuldades económicas de que se queixam os portugueses, os empresários algarvios consideram que os preços praticados pelo sector turístico na região são acessíveis aos turistas nacionais.
26 de Março de 2005 às 00:00
É que, em plena época festiva, a maioria das unidades de alojamento optam pelos pacotes promocionais de forma a cativar clientes, enquanto uma minoria aposta no aumento das tarifas para fazer frente à crise do sector.
“Os preços como se sabe são livres, pelo que neste período é normal surgirem promoções”, disse ao Correio da Manhã o presidente da Associação dos Hotéis e Empreendimentos Turísticos do Algarve (AHETA), Elidérico Viegas. O CM apurou que, por exemplo, um hotel em Armação de Pêra (Silves) é uma das unidades hoteleiras que cumpre essa norma embora pratique preços mais altos do que a maioria. “Normalmente, nesta época, fazemos sempre um preço um bocadinho mais alto. Em Março, a diária num T1 custa 55 euros, mas entre os dias 24 e 28 deste mês, na altura da Páscoa sobe para 65 euros”, revelou fonte daquela unidade que preferiu o anonimato.
Uma opção que, segundo Elidérico Viegas, é mais frequente por parte das unidades que registam uma maior procura turística.
No que diz respeito às promoções durante a época pascoal, resultam, segundo o mesmo responsável, num aumento das taxas de ocupação.
“As nossas expectativas apontam para um ligeiro aumento relativamente ao ano anterior, na ordem dos dois a três por cento”, revelou o presidente da AHETA.
No que concerne ao sector da restauração, regista nesta altura do ano um movimento ligeiramente maior. “É uma situação normal. São umas miniférias com um período curto, mas há algum movimento. Não está muito bom, mas não está pior do que no ano passado”, disse o presidente da da Associação dos Industriais Hoteleiros e Similares do Algarve (AHISA), Cabrita Neto.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)