Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
2

"Procura não falta, o que falta são comboios", diz o presidente da CP

Carlos Gomes Nogueira revela que a empresa está a usar material envelhecido.
Raquel Oliveira 4 de Setembro de 2018 às 17:28
Carlos Gomes Nogueira, presidente da CP
Carlos Gomes Nogueira, presidente da CP
Carlos Gomes Nogueira, presidente da CP
Carlos Gomes Nogueira, presidente da CP
Carlos Gomes Nogueira, presidente da CP
Carlos Gomes Nogueira, presidente da CP

A CP transportou, no primeiro semestre, 62 milhões de passageiros. Trata-se de um crescimento superior a 3%, disse esta terça-feira o presidente da empresa ferroviária, que está a ser ouvido na Comissão Parlamentar de Economia. Segundo Carlos Gomes Nogueira, o volume de faturação subiu 5,1% para 124,7 milhões de euros, no mesmo período.

"Procura não falta, o que falta são comboios", afirmou aos deputados o presidente da CP, recordando que a empresa garante, em média, 1415 comboios por dia útil.

O serviço ferroviário está a ser suportado por material circulante envelhecido e, em alguns casos, com comboios alugados à Renfe. O comboio internacional Sud Express, por exemplo, é um dos que está alugado à empresa espanhola, custando cerca de dois milhões de euros por ano à ferroviária pública.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)