Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
3

Produtores de leite exigem aumento do preço pago na produção

Os produtores de leite exigem um aumento do preço pago na produção para compensar a subida dos custos de produção, como as rações, os adubos e o combustível, e reúnem-se hoje para apresentar medidas "para combater as fragilidades do sector".
18 de Fevereiro de 2011 às 08:20
O preço médio do litro pago aos produtores ronda os 28 e 29 cêntimos
O preço médio do litro pago aos produtores ronda os 28 e 29 cêntimos FOTO: Correio da Manhã

"O sector está numa situação muito complicada que tem a ver com o aumento  dos custos de produção", disse à Lusa Albino Silva, da direcção da Associação  Nacional de Produtores de Leite e de Carne (APLC).

O preço médio do litro de leite pago aos produtores ronda actualmente  os 28 a 29 cêntimos, mas a APLC entende que o preço deveria subir para os  40 cêntimos.

De acordo com dados da APROLEP (Associação dos Produtores de Leite de  Portugal), entre Janeiro de 2010 e Fevereiro de 2011, o adubo azotado subiu  52 por cento, o gasóleo agrícola 32 por cento e as rações, que representam  metade das despesas duma exploração leiteira, aumentarm 35 por criando um  "cenário insustentável" para os produtores.

 

Recorde-se que na segunda-feira, a APROLEP deu um prazo de dez dias ao governo para  atuar no setor e exigiu um aumento de cinco cêntimos por litro de leite.

leite produtores de leite aumento do preço produção custos
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)