Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
5

Projectos avançam em Melides

Os projectos turísticos Costa Terra e da Herdade do Pinheirinho, ambos em Melides, vão mesmo avançar.
19 de Agosto de 2005 às 00:00
Carlos Beato
Carlos Beato FOTO: Natália Ferraz
O executivo municipal de Grândola decretou-os, por unânimidade, empreendimentos de interesse público e não está disposto a esperar pelo despacho conjunto que os ministros do Ambiente a da Economia devem assinar, na sequência da Declaração de Impacto Ambiental do projecto Costa Terra, emitida em Julho pelo secretário de Estado do Ambiente.
“Independentemente do reconhecimento dos ministros, a câmara deliberou assumir a defesa dos projectos, pelo que o município aprovará de imediato o que for necessário para a sua implementação”, disse o autarca, Carlos Beato.
A mesma fonte afirma que o projecto cumprirá tudo o que o Estado definiu para a sua execução e lembra que o mesmo foi aprovado em Conselho de Ministros e que recebeu um parecer favorável do Instituto de Conservação da Natureza.
Deverão ser criadas 5700 camas em solo que o autarca diz ser urbano, esvaziando o argumento dos ambientalistas de que se trata de solo da Rede Natura 2000. ML.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)