Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
1

PS sugere descida administrativa no preço dos medicamentos

O PS apresentou esta quinta-feira uma proposta, de alteração ao Orçamento de Estado para 2011, sugerindo ao Governo a descida administrativa de preços dos medicamentos para conter a despesa nesta área.
18 de Novembro de 2010 às 18:09
Socialistas garantem que esta “é uma norma pragmática que, de alguma forma, servirá como norma habilitante"
Socialistas garantem que esta “é uma norma pragmática que, de alguma forma, servirá como norma habilitante' FOTO: D.R.

O Governo toma as medidas necessárias para que o crescimento da despesa em medicamentos dispensados em ambulatório e em convenções de meios auxiliares de diagnostico e terapêutica, bem como o crescimento de encargos em produtos farmacêuticos e de consumo clinico, não excedam os valores orçamentados”, lê na proposta de alteração ao artigo 157º da proposta de lei do Orçamento do Estado.

Em nota justificativa, os deputados socialistas garantem que esta “é uma norma pragmática que, de alguma forma, servirá como norma habilitante para que possam ser tomadas algumas decisões aquando da execução”.

Os políticos ainda acrescentaram a possível  realização de “reduções administrativas de preços, se necessário como medida de controlo orçamental”.

Os gastos do Estado com a comparticipação de medicamentos nas farmácias subiram, de Janeiro a Setembro, 12,4 por cento, cerca do triplo do estipulado no Orçamento do Estado para 2011.

PS Orçamento Estado medicamentos
Ver comentários