Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
5

PT congela aumentos para quem ganha acima de 2966 euros

Os trabalhadores das empresas do grupo PT vão ter um aumento de 1 por cento, no caso de receberem até três salários mínimos, e 0,8 por cento para salários até 2966 euros, não havendo aumentos acima deste valor.
8 de Setembro de 2010 às 12:26
Trabalhadores terão "aumentos de 1 por cento, no caso de receberem até 3 salários mínimos, e de 0,8 por cento para salários até 2966 euros
Trabalhadores terão 'aumentos de 1 por cento, no caso de receberem até 3 salários mínimos, e de 0,8 por cento para salários até 2966 euros FOTO: Natália Ferraz

Os trabalhadores de todo o universo PT terão "este ano aumentos de 1 por cento, no caso de receberem até 3 salários mínimos, de 0,8 por cento  para salários até 2966 euros, para além da actualização do valor das diuturnidades  e prémios de aposentação, e para as remunerações superiores a 2966 euros não haverá aumentos", disse à Lusa uma fonte oficial da empresa.  

Os valores, que serão aplicados a partir de 1 de Julho do próximo ano, estão expressos no acordo de empresa para 2010, que foi assinado "com todos os sindicatos representativos dos trabalhadores da empresa".  

No ano passado, "houve um aumento de 1 por cento para colaboradores que recebessem até 3 salários mínimos, 0 por cento para as restantes funções e para todos os trabalhadores um prémio de 250 euros", acrescenta a mesma  fonte.  

Em declarações à Lusa, a empresa salienta que, "apesar da conjuntura económica desafiante, foi possível não só assegurar um maior investimento na modernização de infra-estruturas e novas tecnologias, como é o caso da  fibra óptica, e consequente desenvolvimento de novos produtos e serviços, como o Meo, mas também reforçar a aposta na contratação de jovens licenciados  através do Programa Trainees - cerca de 250 novos colaboradores nestes dois anos - a par do desenvolvimento do Programa Academia de Técnicos que permitiu a entrada de 500 novos técnicos especializados em telecomunicações".  

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)