Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
7

PT PODE DESPEDIR 2500

Os trabalhadores da PT–Comunicações denunciaram ontem, em plenário, alegados planos de reestruturação da empresa que resultariam na sua divisão em três e no despedimento de 2 500 dos actuais 11 mil trabalhadores.
25 de Janeiro de 2003 às 00:00
No final de um plenário que decorreu no Porto, e a que se seguirá outro em Lisboa na quarta-feira, os trabalhadores mandataram o sindicato do grupo Portugal Telecom (STPT) para "utilizar todos os meios, inclusive o recurso à greve, para fazer a administração da PT– Comunicações reflectir e recuar nos seus intentos".

Em declarações à Lusa, o presidente do STPT, Jorge Félix, adiantou que foram encomendados pela administração da PT– Comunicações "estudos e planos de despedimento colectivo", no âmbito de um processo de reestruturação da empresa, que deverá implicar o desdobramento da PT–Comunicações em três novas empresas - PT Serviços, PT Meios e PT Compras - e deixará de fora cerca de 2 500 dos actuais 11 mil trabalhadores da empresa. Jorge Félix assegura que a administração "não nega o recurso à figura do despedimento colectivo".
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)