Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
2

REFORMA DO INE SUSPENSA

O Sindicato dos Trabalhadores de Escritório, Comércio, Hotelaria e Serviços (SITESE) defendeu ontem a suspensão da anunciada reforma do Instituto Nacional de Estatística (INE) face à “previsível queda” do governo de Durão Barroso.
29 de Junho de 2004 às 00:00
“Face às circunstâncias actuais, em que previsivelmente o Governo cairá, não faz qualquer sentido avançar com uma reestruturação que carece de apoio político continuado e não circunstancial”, afirmou a dirigente do SITESE Emília Santana. É que, salientou, “não faz sentido que a futura tutela do INE venha a ser confrontada com um facto consumado”.
A reestruturação, a concluir dentro de um ano, assenta na concentração geográfica de funções, requalificação de quadros, remuneração variável e análise da delegação de competências noutros organismos.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)