Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
6

Santander Totta lucra mais 27,8%

Valor sobe para 53,8 milhões de euros no 1.º trimestre.
6 de Maio de 2015 às 12:41

O produto bancário aumentou 9,6%, para 227 milhões de euros
O produto bancário aumentou 9,6%, para 227 milhões de euros FOTO: Jorge Paula

O Santander Totta anunciou esta quarta-feira que aumentou os lucros em 27,8% para os 53,8 milhões de euros no primeiro trimestre, em comparação com igual período do ano passado.


O presidente do banco, António Vieira Monteiro, afirmou em conferência de imprensa em Lisboa, que estes lucros só se referem "à atividade doméstica", pelo devem ser comparados com os restantes bancos a atuar em Portugal nesse sentido, isto para exemplificar o crescimento e solidez do Santander Totta.


Em termos de recursos a clientes, estes aumentaram 5,4%, "impulsionados por aumentos de 7,5% e de 2,3% em depósitos e recursos fora do balanço, respetivamente", adianta o comunicado da instituição.


O banco ressalva também um crescimento de 75,2% na produção de crédito à habitação no período de janeiro a março deste
ano, quando comparado com o mesmo período de 2014.


A margem financeira cresceu 10,3%, passando dos 129 milhões de euros no primeiro trimestre do ano passado para 143 milhões este ano.


O produto bancário aumentou 9,6% para 227 milhões de euros.

Investimento chinês é "bem-vindo"
O presidente do banco Santander Totta afirmou que não tem qualquer oposição em relação ao investimento de chineses em Portugal "desde que cumpra as regras do país".

António Vieira Monteiro, que respondia aos jornalistas sobre a compra de vários ativos em Portugal por parte de chineses, entre os quais o Novo Banco, processo em que o Santander Totta concorre com mais quatro candidatos, dois deles a Fosun e a Anbang, disse que "todo o investimento estrangeiro, desde que cumpra as regras do país, é bem-vindo", consequentemente, "se o investimento chinês cumpre as regras do país, é bem-vindo".

O responsável, tal como havia feito recentemente, contrariou ainda as notícias que circularam na comunicação social sobre o valor da oferta do Santander Totta, que apontavam para que a instituição liderada por Vieira Monteiro tivesse apresentado a oferta mais baixa entre os cinco candidatos que passaram para a terceira fase do concurso de venda do Novo Banco.

Santander Totta lucros
Ver comentários