Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia

Senado italiano aprova pacote de austeridade

O Senado italiano aprovou nesta sexta-feira de forma esmagadora novas medidas de austeridade exigidas pela União Europeia para evitar a falência da terceira maior economia da Zona Euro.
11 de Novembro de 2011 às 19:41
Processo abrirá o caminho à demissão do primeiro-ministro Silvio Berlusconi e à nomeação de um governo de emergência
Processo abrirá o caminho à demissão do primeiro-ministro Silvio Berlusconi e à nomeação de um governo de emergência FOTO: EPA

O pacote deverá ser votado ainda hoje em sessão extraordinária da Câmara de Deputados, processo que abrirá o caminho à demissão do primeiro-ministro Silvio Berlusconi e à nomeação de um governo de emergência.

A câmara alta deu um 'sim' emagador às medidas de estabilização financeira (156 votos a favor e 12 contra) que incluem, entre outras, o aumento do IVA de 20% para 21%, o aumento da idade de reforma para as mulheres e o combate à evasão fiscal.

Berlusconi prometeu resignar após a aprovação do pacote de austeridade nas duas câmaras do Parlamento, mas só cedeu após intervernção do presidente da República, Giorgio Napolitano, que o forçou a desistir da exigência de eleições antecipadas e o aconselhou a demitir-se sem condições.

iva berlusconi zona euro itália austeridade dívida
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)