Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
6

Sindicatos europeus: "Há o risco" de Portugal seguir a Grécia

A Confederação dos Sindicatos Europeus afirmou esta segunda-feira que "há o risco" de Portugal seguir o mesmo caminho que a Grécia, em termos de austeridade económica.
17 de Outubro de 2011 às 14:25
Bernardette Segol, secretária-geral da Confederação dos Sindicatos Europeus
Bernardette Segol, secretária-geral da Confederação dos Sindicatos Europeus FOTO: d.r.

"Há o risco de que Portugal vá na mesma direcção que a Grécia", declarou Bernardette Segol, em Bruxelas, no final da cimeira social tripartida para o crescimento e emprego que se realizou esta segunda-feira na capital belga.

Reconhecendo não estar completamente informada sobre as medidas do Governo português para o Orçamento do Estado de 2012, que hoje será entregue no Parlamento, a secretária-geral da Confederação dos Sindicatos Europeus  mostrou-se descrente face ao impacto das medidas de austeridade no crescimento económico em Portugal.

"Onde estão as medidas de crescimento em Portugal? São suficientes para contrabalançar com as medidas de austeridade? E por quanto tempo demorará esta austeridade?", questionou Bernardette Segol.

De acordo com a dirigente sindical, a Confederação dos Sindicatos Europeus "está na mesma linha" que a UGT e a CGTP no que à contestação às medidas de austeridade diz respeito.

As centrais sindicais portuguesas UGT e CGTP acordaram hoje propor a realização de uma greve geral, em protesto contra as medidas de austeridade.

Esta proposta, que ainda vai ter de ser aprovada pelas estruturas dirigentes, foi anunciada por Carvalho da Silva, da CGTP, no final da reunião com a delegação da UGT, liderada por João Proença.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)